TCE decide que pagamentos e contratações devem ser autenticados pelas Procuradorias Gerais

0

A medida foi discutida durante a sessão plenária, desta terça-feira (08/11), a partir de uma iniciativa do procurador-geral do MPC, Carlos Alberto Souza de Almeida, que propôs que os contratos e pagamentos realizados pela Susam recebessem a autenticação da PGE

Atendendo, por unanimidade, a proposta feita pelo procurador-geral do Ministério Público de Contas do Amazonas (MPC-AM), Carlos Alberto Souza de Almeida, o Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) decidiu que pagamentos e novos contratos firmados pelo governo do Estado, pela Prefeitura de Manaus e pelos órgãos da administração direta e indireta dos municípios do Amazonas devem ser autenticados pelas respectivas Procuradorias Gerais.

A medida foi discutida pelos conselheiros durante a sessão plenária, realizada terça-feira (08/11), a partir de uma iniciativa do procurador-geral do MPC, Carlos Alberto Souza de Almeida, que propôs que os contratos e pagamentos realizados pela Secretaria de Estado de Saúde (Susam) recebessem a autenticação da Procuradoria Geral do Estado (PGE).

“Estão sendo realizados pagamentos com pareceres de assessorias jurídicas contratadas para analisar os contratos e despesas, sem que estes atos sejam de conhecimento da PGE”, disse o procurador.

O presidente do TCE-AM, conselheiro Ari Moutinho Júnior, estendeu a medida para todos os jurisdicionados do tribunal para garantir, entre outros, o efetivo controle dos pagamentos e novas contratações pela administração pública direta e indireta.

“Infelizmente a exceção virou regra. A corte de contas deve agir de forma rápida e eficiente, inclusive estendendo esta medida para todos os jurisdicionados, ou seja, a Prefeitura de Manaus e os demais municípios do interior do Estado”, disse o presidente do TCE-AM, Ari Moutinho Júnior.

A medida entra em vigor assim que a decisão for publicada no Diário Oficial Eletrônico (DOE) do TCE e os jurisdicionados devem ser notificados para adotar as medidas cabíveis.

Acesse a certidão que homologa a decisão

 Assessoria de comunicação do MPC-AM

 

Compartilhar

About Author